Sexta-feira, 25 de Maio de 2007

Saudade

Com o coração a sangrar
procuro na noite o teu rosto
e fácilmente o encontro,
ele está nas árvores, no vento,
no mar, no meu lamento,
na água que bebo,
no ar que respiro, no lago.
Mas por muito que o veja,
sinto sua falta ao meu lado.
É díficil você sentir o que sinto,
como o meu coração despedaçado.
Sinto necessidade dos seus abraços,
sem nunca antes por si ter sido abraçado.
Sinto necessidade dos seus beijos,
sem nunca antes pot si ter sido beijado.
Sinto necessidade do seu amor,
sem saber se alguma vez por si serei amado.
Como é possível tal se sentir
o que nunca antes havia sentido,
é uma incógnita escondida
nas histórias desta vida
onde sem ti me sinto perdido.
                                                                  Alb.


publicado por albuquerque às 11:36
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 4 seguidores

.pesquisar

 

.Maio 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Saudade

. Apaixonado

. PORQUÊ ?

. Pedrito

. Beira mar

. O coração

. Quero-te

. Viver

. Monologo de um namoro

. Convite á loucura.

. Para os amantes da pesca.

. Já alguma vez amaram assi...

. PAI

. Poema dedicado a todas as...

. Como uma aranha.

. Fanatismo

. PAZ

. A guerra

. O maneta

.tags

. todas as tags

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds